BOMBEIROS DE RORAIMA CONQUISTAM BRONZE EM CAMPEONATO INTERNACIONAL


A programação é o maior evento do gênero na América Latina e acontece em Goiás


Data de Postagem: 15/09/2017 1:33 pm





Por – Samuel Bento
Fotos: Bombeiros


Iniciou nesta última quarta-feira (13), no estado de Goiás um dos maiores eventos que reúne bombeiros militares da América Latina, no total são aproximadamente 400 bombeiros que participam de umas das competições mais esperadas por eles, a prova do “Bombeiro de Aço.”
A programação faz parte do calendário do Congresso Internacional de Bombeiros e Emergências (CIBE Brasil) que acontece a cada dois anos no estado de Goiás. Dentre os principais objetivos, está a reunião dos comandantes das polícias e bombeiros militares do país. Para Doriedson Silva Ribeiro, Comandante Geral do Corpo de Bombeiros Militar de Roraima que participa do evento em Goiás, afirmou que a programação é importante para vida profissional dos bombeiros. “O intercâmbio entre os corpos de bombeiros do Brasil é importante quanto à busca de novas tecnologias, conhecimentos operacional e estratégico em âmbito nacional e também fazer com que os bombeiros de Roraima possam conhecer de que forma as corporações nacionais e de outros países solucionam os diversos problemas relacionados às competências da corporação e que a participação do CBMRR no evento só foi possível mediante ao apoio irrestrito da governadora Suely Campos juntos aos cinco militares e ao comandante Geral do Corpo de Bombeiros no CIBE 2017.” Disse o comandante.
Este ano o evento reuniu cerca de 20 mil inscritos, entre bombeiros, policiais, engenheiros, especialistas em segurança do trabalho, médicos, enfermeiros, socorristas, prestadores de serviço no ramo de atendimento a emergências, além dos atletas que vão participar dos desafios de Salvamento em Altura, Mundial de Resgate, e das Certificações de cães de busca e resgate e Salvamento e extração veicular, distribuídos em várias modalidades, destes quase um mil são de outros países, os quais participaram de palestras, oficinas e de competições voltadas à área de atuação da profissão.
Os militares Stanley Pereira, Winston Jhioll Magalhães e Cássio Santos representaram o estado de Roraima na prova individual masculina “Bombeiro de Aço”, modalidade disputada entre os militares dos 26 estados da Federação e o Distrito Federal. Nesta etapa, os cinco primeiros colocados do seletivo formaram a equipe brasileira masculina deste segmento para competição. A atuação dos roraimenses não foi suficiente para conquistar nenhuma vaga na equipe brasileira, por outro lado, alcançaram índices satisfatórios na competição. Para o Soldado Winston Jhioll, militar da equipe roraimense que obteve o melhor resultado na equipe masculina, com o tempo de dois minutos e um segundo, disse: “É uma grande oportunidade representar o meu estado e a minha corporação. Poder disputar com bombeiros de todos os estados e de outros países traz um sentimento de reconhecimento. O nível dos competidores é muito elevado, mas com um bom preparo todos temos chance. A competição serve como motivação, buscando elevar o nome do estado para o Brasil e o exterior.” Declarou o atleta roraimense.

FEMININO

A participação das militares roraimenses no seletivo para concorrer uma das quatro vagas na formação da equipe brasileira feminino de “Bombeiro de Aço” foi a melhor registrada em todos anos. A segundo Sargento Nuziane da Costa e a Soldado Amannda Trajano conquistaram o prêmio mais esperado por elas, de integrarem a equipe brasileira. “É um orgulho representar o CBM aqui no Cibe Brazil e melhor ainda voltar p casa com esse bronze conquistado. Concorrer com os estados brasileiros, conseguir classificação, depois concorrer com os países da América Latina e sair com medalha foi uma trajetória de muito esforço físico, controle psicológico e emocional. Nenhuma vitória vem fácil, e a dedicação e força de vontade nos fez chegar aqui, principalmente porque nossa prova do bombeiro de aço estadual é diferente da prova da Copa Oba.” disse Trajano. Para Nuziane da Costa, militar graduada da equipe roraimense, destacou o sentimento de participar e representar o Estado. “só o fato de termos vindo participar do maior congresso da América Latina, na modalidade bombeiros de aço e representar o estado de Roraima a nível internacional é muito gratificante, viemos para competir, mas sempre com aquele receio, pois aqui tem as melhores, mulheres que passam o ano inteiro treinando, se dedicando, com treinador. Termos conseguido a terceira colocação foi uma emoção.”
A equipe feminina brasileira de Bombeiro de Aço foi composta por uma bombeira atleta do estado do Mato Grosso, uma da Paraíba e duas de Roraima, onde juntas obtiveram a terceira colocação ficando atrás apenas da Colômbia e Chile que devem fazer a final ainda hoje (15) dia que também enceram as atividades da competição.







Acessos : 155

Voltar