AÇÃO SOLIDÁRIA - Alunos Soldados do Corpo de Bombeiros iniciam mutirão solidário de doação de sangue ao Hemocentro de Roraima que vai se estender durante todo o mês de fevereiro


A ação reúne mais de 60 militares voluntários em demonstração de solidariedade e incentivo á prática da doação de sangue


Data de Postagem: 02/02/2018 9:54 am




Por: Heldeliano Arrais
Fotos: Ascom/CBMRR

Na última terça-feira, dia 30 de janeiro, mais de 60 alunos soldados do Corpo de Bombeiros Militar de Roraima (BMRR) realizaram um gesto solidário ao promover um mutirão de doação de sangue para o Centro de Hemoterapia e Hematologia de Roraima (Hemoraima). A ação ocorre de forma voluntária e vai se estender por todo o mês de fevereiro, a fim de contribuir para o reabastecimento do banco de sangue da região.

As doações que iniciaram terça-feira, dia 30 de janeiro, seguem diariamente das 13h30 às 14hs, de segunda a sexta-feira, conforme plano de instrução da Coordenação do Curso de Formação de Soldados (CFSd/BM), para que os alunos não sejam prejudicados durante as atividades diárias no período de formação.

Segundo o Coordenador do CFSd/BM, Tenente Fábio Waismann, o curso tem um total de 89 alunos e mais de 60 vão participar dessa ação solidária, realizando a doação de sangue de forma voluntária e colaborando com o abastecimento dos estoques do Hemoraima. “Atualmente o CBMRR conta com 89 alunos soldados e nesse primeiro momento nem todos estão aptos porque os doadores passam por uma triagem recomendada pelo Hemocentro, mas é válido lembrar que todo cidadão recebe após a doação e análise do material coletado, diversos exames, um verdadeiro check up que estimula a prática de hábitos saldáveis para tornar-se um doador pontual”, explicou o Coordenador do CFSd/BM.

O Hemoraima atende 15 municípios e é responsável pelo fornecimento de sangue para todas as unidades de saúde do Estado. Aliado ao caráter voluntarioso e inerente ao serviço militar foi o que motivou os integrantes do CBMRR o ideal de promover o mutirão solidário com o objetivo de conscientizar os militares da corporação sobre a importância da doação de sangue.


Para o Comandante Geral do CBMRR, Coronel Doriedson Ribeiro, a ação tem por objetivo promover e incentivar os militares para que sejam doadores contínuos visando atender a demanda frequente no Hemocentro de Roraima. “A participação do CBMRR visa despertar nos militares e seus familiares a compreensão da importância do ato de doar sangue, buscando estimular entre os diversos postos e graduações a cultura da doação de sangue, de forma voluntária e altruísta, pois a ação dos militares configura um de nossos lemas, que é o de salvar vidas”, destacou o Comandante Geral.

Confira os requisitos do Hemoraima para fazer parte dessa ação

Qualquer pessoa em boas condições de saúde, apresentando documento oficial com foto, entre 16 até 17 incompletos (acompanhados dos pais ou responsáveis legais) e para quem já é doador, até 68 anos. A pessoa precisa ter mais de 50 kg e não deve estar em jejum, mas é preciso evitar a ingestão de alimentos gordurosos até 4h antes da doação. Pessoas com febre, gripe ou resfriado não podem doar temporariamente, assim como grávidas e mulheres no pós-parto. Nas duas horas que antecedem ao procedimento, o candidato à doação preenche um cadastro, e em seguida é avaliado clinicamente. Se não houver nenhum obstáculo clínico, a coleta é realizada logo em seguida.




Acessos : 46

Voltar